(27) 99876-5489   |   (27) 3227-1313

O Ceratocone

O ceratocone é uma patologia onde a córnea adquire a forma cônica. Isto provoca alterações a curvatura corneana e conseqüentemente na qualidade de visão. Muitas pessoas não percebem que tem ceratocone porque estes se passam como pacientes com miopia e astigmatismo

Saiba mais

O ceratocone inicia-se geralmente na adolescência e dificilmente progride de forma agressiva após os 30 anos de idade. O ceratocone afeta homens e mulheres em igual proporção e em 90 % dos casos afeta os dois olhos. No entanto, a doença se desenvolve de forma assimétrica.

Em um estágio inicial da doença, a diminuição de visão pode ser corrigida com uso de óculos; em estágios mais avançados a qualidade visual com lentes de contato desde que toleradas pelo paciente é melhor que a obtida com óculos. Lentes de contato promovem melhora visual pelo efeito de regularização da superfície da córnea que se encontra bastante irregular no ceratocone.

À partir do momento em que não se consegue uma visão satisfatória para o paciente manter suas atividades normais, existem opções cirúrgicas que devem ser analisadas para cada caso: anel de Ferrara, crosslinking, transplante lamelar e transplante penetrante de córnea.

Ceratocone

Qual a idade em que se manifesta o ceratocone?

Normalmente, o ceratocone se manifesta na adolescência, entre os 15 e 20 anos de idade. Porém, em alguns casos, pode se manifestar mais cedo ou mais tarde.

Incidência na população geral: varia de 0,05 % a 0,5 %

Distribuição conforme a faixa etária:

08 a 16 anos: 2,1 %
17 a 27 anos: 25,9 %
27 a 36 anos: 35,6 %
37 a 46 anos: 20,1 %
47 a 56 anos: 11,7 %
57 a 66 anos: 3,0 %
67 a 76 anos: 1,5 %
Fonte: Nova Contact Lenses
Ceratocone

O ceratocone é progressivo?

O ceratocone pode ou não progredir, não existe um padrão definido de evolução.

O importante é sempre manter consultas regulares com seu oftalmologista.

Qual a origem do ceratocone?

Não há até o momento uma etiologia elucidada sobre o ceratocone.

Sabe-se que existem casos relacionados à alergia ocular e também casos familiares esporádicos.

Como se faz o diagnóstico de ceratocone?

O diagnóstico de ceratocone em suas fases iniciais torna-se mais difícil, requerendo uma cuidadosa história clínica, medidas da acuidade visual e refração, e ainda exames complementares.

Geralmente, pacientes com ceratocone têm modificações frequentes nas prescrições dos seus óculos em curto período de tempo e, além disso, os óculos já não fornecem uma correção visual satisfatória. Pacientes com ceratocone freqüentemente relatam diplopia ( visão dupla ) no olho afetado, e queixam-se de visão borrada e distorcida principalmente para visão de longe. Alguns referem halos em torno das luzes e sensibilidade anormal à luz.

A topografia corneana computadorizada pode fornecer um mapa corneano mostrando áreas de irregularidades inferiormente em forma de cone, o qual pode assumir diferentes formas e tamanhos.

Ceratocone
Ceratocone

Como o ceratocone é tratado?

O tratamento do ceratocone é feito com a utilização de óculos.

À medida que o ceratocone evolui a tendência é que o óculos não proporcione a mesma qualidade de visão que as lentes de contato. Atualmente existem inúmeros tipos de lentes de contato para o ceratocone desde as lentes gelatinosas e as lentes rígidas.

À partir do momento em que a visão não é satisfatória nem com óculos nem com lentes de contato havendo limitação visual relatada pelo paciente existem as alternativas cirúrgicas.

Sociais responsivo

(27) 3227-1313